domingo, 20 de abril de 2014

II BookCrossing Blogueiro - KIDS



*Descrição detalhada das fotos para acesso do deficiente visual (para saber mais clique aqui)


Post de participação no II BookCrossing Blogueiro Kids, promovido e divulgado por Trícia Ferreira do Blog Espelho de Si, escolhido especialmente para publicação no dia de hoje, Domingo de Páscoa. As crianças são os verdadeiros representantes da renovação da  vida. Feliz Páscoa à todos.


Tão importante quanto o BookCrossing Blogueiro, é o BookCrossing Blogueiro KIDS e sabendo que no Encontro de Blogueiras de Curitiba, algumas mães se fariam acompanhar de seus filhos, corri atrás de livros infantis para também divulgar este projeto.


Chegamos juntas no estacionamento, a Ana Julia, a Camila, acompanhadas de suas mãe e eu. Sem conhecer ninguém, ali mesmo no pátio, entreguei à cada uma delas um livro. Lá dentro, entre os cumprimentos e paradas para fotos, procurei por elas e as encontrei folheando, lendo e uma mostrando para outra o que viam de interessante.

Tive a grata surpresa de saber que a Camila já possui a sua biblioteca virtual. Clique aqui no link de acesso ao site e fica a sugestão para que outras mães usem este exemplo como motivação para suas crianças.

Foto da Ana Julia (Ana Paula Canestraro) e Camila (Alessandra Guedes Murakami),




Na foto acima, a Nicole Meister (Patrícia Meister) e Mariana (Andrea Passos), que encontrei já em plena atividade. Havia sobre a mesa, papel e giz de cera. Pedi licença, entreguei os livros e a pose para foto. 

Parabéns a essas mães por incentivarem suas filhas à leitura e obrigada por permitirem a divulgação das fotos. Elas certamente servirão de exemplo para outras crianças. 
Criança imita criança. Que seja pela leitura.



Abaixo na foto estão, a Gabriella, o Gustavo e a Nathália.



Gabriella (da esquerda), de personalidade forte, vaidosa, uma presença marcante por onde passa. De porte alto e esguio, desde pequena faz sua trajetória como modelo em desfiles, fotos e atualmente faz aulas de teatro na Casa da Cultura.

Gustavo e Nathalia, ganharam recentemente um prêmio de nível internacional por um trabalho escolar sobre a água (veja o link). A Nathália acaba de ser eleita na escola, Vereadora Mirim, já está diplomada (veja o link) e faz aulas de violino, na Casa da Cultura. Os dois participam também da banda dos Bombeiros Mirins.

O que essas crianças tem em comum?

São jovens, pré-adolescentes, irmãos, concorrentes entre si, brigam, tem horário para estudar, para brincar e dividem um único computador que dispõe em casa. Estudantes de escola pública, inteligentes, estudiosos, gostam de ler e trocam os livros um com o outro.

Fazem parte de uma família de quatro irmãos, onde a mais velha de quinze anos (não está na foto), já é formada em curso técnico de suporte e manutenção de micro computadores e redes sociais do Senai, e atualmente frequente o curso técnico em mecânica na IFSC. Os cursos são gratuito mas a vaga é conseguida por provas eliminatórias e usa transporte público para ir à escola.

Ainda crianças e já com um curriculum de peso.

O que conheço deles é só sucesso. Mas não um sucesso que acontece por acaso. Sucesso, que é resultado da exigência que a mãe Anelise Berri, de pulso firme, faz por boas notas na escola e bons resultados nas atividades extra curriculares.

Só o estudo pode fazer dos jovens brasileiros, cidadãos capazes. Ler é cultura, faz parte da boa formação deles, e a Anelise sabe disso.





E estes livros eu esqueci, por sugestão do meu filho Bernardo, com a Mônia Sartor

Grande atriz de Curitiba, com atuação constante em peças no Teatro Lala Schneider. Além de atriz, Mônia tem seu trabalho formal e faz um belo serviço voluntário. 

Ela é contadora de histórias em hospitais infantis e ficou de mandar as fotos usando os livros. Faço questão de divulgar esta importante atividade, que leva cultura e distração à crianças doentes.

Um grande abraço e parabéns para você, Mônia.



Pratique o BookCrossing. Isto é educação e cultura.  


sábado, 19 de abril de 2014

"A Semana", O Encontro de Blogueiras e o BookCrossing



*Descrição detalhada das fotos para acesso do deficiente visual (para saber mais clique aqui)


"A Semana" é a BC de Fernanda Reali.
Quero abrir um parênteses, antes de falar da minhA Semana, para um especial elogio a Fernanda. Uma blogueira com milhares de seguidores, de enorme visibilidade e grande incentivadora dos ditos pequenos blogueiros. "A Semana" é a maior prova disto. O tema fica aberto para a minha, para a sua, para a nossa imaginação, criatividade e realidade. Um espaço para divulgar o nosso dia dia, um fato curioso, ou um acontecimento.



Dois eventos tomaram conta da minhA Semana: o encontro de blogueiras em Curitiba e o BookCrossing Blogueiro.
Link da Página

Link da Página do Evento
Penso que a ocasião não poderia ter sido melhor, para divulgar o 8º BookCrossing Blogueiro do que no 1º Encontro de Blogueiras em Curitiba.

O BookCrossing Blogueiro, é um trabalho de incentivo a leitura, feito no simples ato de "libertar da prateleira" os livros que você já leu. Veja mais detalhes neste link do blog Luz de Luma, Yes Party! de Luma Rosa. A blogueira que divulgada e organiza este evento entre nós. 

Peguei os livros que arrecadei entre amigos, levei para o grupo, colocando-os aleatoriamente sobre as mesas.

Com a permissão das organizadoras Helena e Margarete, ganhei um minuto para falar sobre o projeto e a Graziela Flor fotografou-me (gostei! risos).




Esta é a Graziela Flor. Ela trabalha com educação infantil e também participa do BookCrossing Blogueiro. Entre aqui e conheça o blog da Grazi, ela conta muitas experiências dos anos de sua vida em Londres.



Não importa como você os "liberta". O objetivo é fazê-los circular. Particularmente gosto de observar a reação das pessoas ao depararem-se com os livros. As participantes Gisele  e Enilze sem nem saber o porquê, de imediato se interessam e começam a manusear os livros.



Segue fotos de alguns livros libertados no encontro de blogueiras.



Foto do livro Diário do Clima de Sonia Bridi

Foto do Livro Fazendo as Malas de Danusa Leão.

Foto do Livro O Ladrão de Raios de Rick Riordan

É um prazer, ler no dia seguinte no FB uma postagem que cita um trecho de um dos livros deixados sobre as mesas.
Jaluza Machado Olschowsky disse: "estou encantada com um livro que deixastes no nosso encontro. Danada de Dúnia de Freitas. Uma poesia de encantar".

"Se meu olhar
te disser além, muito além
do que queres saber,
desvia…" Dúnia de Freitas

Foto do Livro Danada de Dunia de Freitas

Foto do Livro Intuição Nosso Sexto Sentido de Char Margolis

Foto do Livro A Cabala da Comida, do Dinheiro e da Inveja de Nilton Bonder

Foto dos Livros Os Sertões de Euclides da Cunha e Há Poder Em Suas Palavras de Don Gossett

A satisfação se completa, quando vejo Giovana, a mais jovens das artesãs, com a cara literalmente enfiada num dos livros.

Foto de Giovana Avancci lendo um dos livros deixados nas mesas.


Conheça também o não menos importante, BookCrossing Blogueiro Kids, divulgado pelo Blog Espelho de Si de Trícia Ferreira. Meu post sai no domingo.

Pratique o BookCrossing, isto é educação e cultura.


terça-feira, 15 de abril de 2014

8º BookCrossing Blogueiro - De Joinville para o Canadá


*Descrição detalhada das fotos para acesso do deficiente visual (para saber mais clique aqui)



Esta história teve seu início em outubro de 2013. Em se tratando de twitter é "muito tempo atrás". Tanto tempo que quis buscar toda a conversa que originou esta postagem e não encontrei mais.

No BookCrossing Blogueiro, do ano passado, publiquei essa foto no twitter e fui surpreendida com a interação de  @anasprb, lá do Canadá. Ela queria o livro "O Cemitério de Praga" de Umberto Eco.

OBS: Ainda hoje, eu que sou do tempo do radinho de pilha, fico boquiaberta com esse encurtamento das longas distâncias que acontecem nas redes sociais.

Fiquei literalmente de coração partido, por ter de dizer a Ana que eu não poderia lhe dar o livro por já tê-lo libertado, como é dito na linguagem do BookCrossing.

A partir daí, iniciei um verdadeiro trabalho de resgate para reave-lo, facilitado pelo fato de eu saber com quem estava o livro.
Falei com minha amiga Sara, nas mãos de quem havia libertado o livro, com o compromisso de que após lido ela fizesse o mesmo. Pedi para que no momento da nova libertação, o entregasse para mim, contando-lhe o ocorrido. 

E assim, quando ela terminou de ler, devolveu-me para agora eu ter o prazer de remetê-lo à você Ana.


Fotos do livros divulgados no 7º BookCrossing Blogueiro e publicada no twitter, incluindo o livro O Cemitério de Praga

Tudo acontece a seu tempo. Este livro já poderia estar nas mãos de Ana desde janeiro pp. Foi quando perguntei-lhe se gostaria de esperar um pouco mais e aguardar que as camisetas do blog superlinda, ficassem prontas para eu enviar uma junto com o livro.

A resposta foi, sim.

Neste meio tempo, tive inclusive um portador, que de viagem para o Canadá poderia levá-lo, mas as camisetas ainda não haviam sido entregues.

Muita coincidência terem ficado prontas justo da semana do 8º BookCrossing Blogueiro. 

O mesmo livro participando em duas edições.

Há quem pergunte, porque tanto empenho por um livro? 
Quão mais fácil seria, e provavelmente por um custo menor, se eu comprasse um livro na Amazon.com e mandasse entregá-lo no endereço da Ana no Canadá. 

É verdade, mas teria o mesmo prazer? 

Bom mesmo é postar as fotos e receber de Ana esta resposta.


@rranjos: ai, que chique! Adorei! Muitissimo obrigada. bjo


             Foto do Livro O Cemitério de Praga junto com a camiseta verde oliva do blog superlinda enviada para Ana.

             
E para a foto do pacote já selado no correio... Lá do Canadá Ana gritou: @rranjos obaaaaaa! Entre 10 ou 15 dias chega aqui....Merci! 


           Foto do pacote enviado à Ana já selado pelo Correio.


*****Ana tem um blog de qualidade, o  "Organizando o Caos". É estudante da Université Laval. Detalhe: no Brasil estudava em escolas públicas. Reside em Ville de Quebec - Canadá. Para ver seu perfil no Google + clique aqui.



Este é um post especial de participação no 8º BookCrossing Blogueiro, promovido e divulgado pelo blog Luz de Luma, yes party!



Foto Para Cartão Postal - Puerto Varas - Chile


*Descrição detalhada das fotos para acesso do deficiente visual (para saber mais clique aqui)


Lago Llanquinhue - Puerto Varas - Chile
*Vista do amanhecer no Lago Llanquinhue, mostrando ao fundo luzes acesas e embarcações no lago.



Puerto Varas, cidade de 40.000 mil habitante, ao sul do Chile na Região dos Lagos. 

Conhecida como “ciudad de lãs rosas”. Povoada e colonizado por alemães, mantém as tradições desta influência na arquitetura e na gastronomia.




domingo, 13 de abril de 2014

1º Encontro de Blogueiras em Curitiba



O 1º Encontro de Blogueiras em Curitiba, na tarde de ontem, foi inusitado para mim em alguns detalhes.

Este post é para registrar esse evento, que só quem participa, sabe a muvuca que é, no bom sentido, naturalmente.

Ninguém conhece ninguém, mas ao mesmo tempo temos a sensação de nos conhecermos desde a infância, tal é o sentimento de amizade que corre lá dentro.

Misto de surpresa, coisa comum e porque não dizer, um pouco estranho, quando nos deparamos com as pessoas que nunca vimos, mas ao mesmo tempo, as conhecemos através da telinha de nossos computadores.

Todas falam ao mesmo tempo...novidade nenhuma em se tratando de encontro de mulheres.


Da minha participação, tenho só que pedir redenção. Foram muitos os furos deixados...


Celeste. Presenteou-me pela carona que não dei. Tudo combinado para ela ir comigo, atrasei-me e quando liguei para avisar que estava indo buscá-la, ela já estava chegando no local do encontro, de táxi. 

Celeste Maria Cesar Galvão




Margarete, de quem ganhei um kit de produtos (shampoo, condicionar e máscara) para os cabelos. Já está lá no banheiro. Ela teve de pagar minha conta, porque saí sem pagar. rsrsrs Vergonha total.
Margarete Benitez


Priscila Paula. Ganhei um kit de mesa para lanche. Já inaugurei no café de hoje. Parece até que sabia que o café da manhã é a refeição que mais gosto.
Saí sem despedir-me e sem bater uma fotinho junto com ela.

Priscila Paula

Todas sem exceção, foram simpáticas amáveis e divertidas. Em tão pouco tempo é impossível uma aproximação maior com todas.

Em sua grande maioria, blogueiras ligadas ao artesanato, em momento algum senti-me deslocada, muito pelo contrário. 

Agradeço o minuto de atenção que deram, para eu falar sobre o BookCrossing Blogueiro(assunto para outro post).

Tive boas surpresas, entre elas conhecer Graziela Flor,  com quem troco conversa há muito tempo pelo twitter. 


Para a Jaluza, consegui dizer o quanto admiro seu trabalho.  E com a Mariah, aprendi um pouco sobre a "boneca Tilda".


Que teríamos mães e filhas, todas sabíamos, mas mãe e filha como as do "Costurando Idéias", mais parecendo irmãs, eu não pensava encontrar.

E quantas participantes com as quais tive muito pouco contato, mas que entres sorrisos e abraços, marcaram como boas, as lembranças de uma tarde muito agradável.

Meu especial abraço e agradecimento para a Helena e a Margarete, que organizaram para nós este verdadeiro evento de blogueiras. 

Certamente o primeiro deles.


          *Todas as fotos são das participantes do Encontro de Blogueiras em Curitiba.























Kate Middleton recebe um HONGI


Foto da página da Uol. Kate Middleton, recebendo cumprimento "maori" de autoridade na Nova Zelândia. O gesto é feito de forma que um rosto se aproxima do outro tocando a ponta do nariz.
Foto de Derek Flynn/Reuters


Catherine, duquesa de Cambridge recebe um "hongi", cumprimento tradicional "maori" em recepção na Nova Zelândia.


Isto é cultura.

É cultura o gesto e é cultura saber que trata-se de cumprimento do povo "Maori", nativo da Nova Zelândia. 

Presume-se que o povo maori, habita na Nova Zelândia vindo da Polinésia desde o século X. Em sua língua, “maori” quer dizer natural ou normal. 

A cultura “maori” é conhecida pela arte de desenhar figuras geométricas no corpo ou em esculturas, de significado espiritual ou religioso.

As tatuagens e estampas comuns entre nós,  ditas 
“tribal” são inspiradas nos desenhos Maori.

Imagem marcante. Uma personalidade jovem que se destaca no mundo moderno.

Kate Middleton, Catherine a duquesa de Cambridge.




quinta-feira, 10 de abril de 2014

Li o "Livro de Receitas Para Mulheres Tristes"





                                                    Foto da capa do livros, em tons bege com estampa de ovos diversos sobre colheres. 


De  Héctor Abad, recomendado no twitter, como um livro de cabeceira que toda mulher deveria ter, por Monica Waldvogel.

Devo confessar que tenho um certo receio de ler livro recomendado por alguém que sabidamente é devoradora de livros, entre essas pessoas está a minha mãe. Dos dois um, ou elas gostam de tudo que leem ou nem sempre grau de profundidade da leitura recomendada está ao meu alcance.

Mas este, fiquei interessada, encarei e devo dizer: 
O livro  é  s e n s a c i o n a l  e eu não saberei escrever pouco sobre ele.

De triste não tem nada e nem é só indicado para mulheres como o título pode sugerir, como observou Monica. Ao seu comentário eu acrescentaria que toda mulher e todo homem deveriam ter este livro como livro de cabeceira.

Mas eles não lerão. A idéia  de encarar certas verdades não faz parte do perfil masculino.

Uma leitura bem humorada, cheia de simbolismo com golpes certeiros nas feridas da vida real.

A relação com comidas é de uma sutileza que muitas vezes não consegui distinguir se o objetivo era resolver o problema apontado ou distrair-me para desviar a atenção sobre ele.

Em certos momentos tive a nítida sensação do autor estar fazendo-me de boba, no bom sentido. Não acredito que ele consiga definir tão bem conceitos, características de homens e mulheres sem o conformismo que sempre tentam nos passar. 

Você não suporta a rotina? Pois sabia que é o único modo de o homem suportar a vida é fazer dela uma rotina". Sinto-me aliviada por isto.

Para tudo existe um remédio e o autor dá as receitas. Algumas fáceis outras nem tanto. Em muitos momentos pensei: esse cara tá de brincadeira

É o caso da cura para a "indomável culpa", "as insensatas dores da alma". Sim a cura existe, se você fizer um prato especial de pesca do celacanto. O difícil é onde conseguir o celacanto, mas o autor lhe diz como. Para o mal da CULPA, "só um prato dos tempos dos dinossauros pode curar". 

Traíção, especialmente a dos homens é um tema já por demais batido. Não vou deter-me no assunto, até porque o autor também nós entrega de bandeja...

"É um vício maligno dos machos que não resulta da decadência da mulher...".  "O homem não vai em busca de manjares...".  "A infidelidade costuma terminar no malogro da fantasia..."e se não malograr, vá você em busca da fantasia".

E das mulheres, ele diz: "não tente negar..."

"Chegará o dia em que sua vida...marital terá um parenteses".... Aparecerá  uma pessoa a quem durante alguns dias você dedicará mais atenção e muito mais pensamentos que a seu próprio marido".

Completada com uma observação para ambos os sexos: 

"Quem é que não esconde no coração o eco de um mau pensamento?".

"O adultério é o sal do casamento....e nem todos são da cintura para baixo." "...no coração, na imaginação, nos sonhos, e de vez em quando na realidade."

As bebidas também tem indicação para a cura de um algum mal. Mas em especial a indicação do uísque é providencial: Beba  "somente quando se vir na obrigação de mentir descaradamente; o uísque deixa a cara tão dura que facilita a mentira. Mais séria do que um tratante, você parecerá de gesso, e todos acreditarão no que disser." (risos).

Acreditar ou não acreditar nas declarações de amor que lhe são ditas? "Acredite na metade da metade". 

"Quando seu marido começar a ficar cego, e não enxergá-la mais, o melhor é você começar a ter olhos só para quem a vê".

Leia a receita contra o ciúme, é provável que você não consiga chegar ao fim, se mordendo de ciúme só de pensar....pior ainda é ler a máxima definitiva que ele observou sobre o ciúme. 
PQP.

NÃO LEIA O QUE SEGUE. VOCÊ PODERÁ PERDER O INTERESSE NO LIVRO, EMBORA EU LHE GARANTA QUE O MELHOR,  DEIXEI LÁ. 

É assim que está o meu livro. A idéia de libertá-lo no BookCrossing, mudou meu hábito de rabiscar nos livros.
                  Foto do livro aberto com anotações feitas em post it de cor verde.


Encare verdades como esta e saiba porque você está gordo(a).

"O alimento, na infelicidade, não é assimilado e cria gordura". "Hábito salutar é jejuar nos dias de desgraças".

"Comer bem acalma o espírito."..."o segredo para não engordar é um só: preparar bem os pratos". Quanto pior você come, mais se empanturra de tudo aquilo, enchendo-se sem piedade em busca de um profundo deleite que não vem."

"O amor mais inesquecível é o que nunca foi".

"Há dias em que a mulher acorda linda e dias em que seria preferível nem levantar". "Os dias de cara ruim aproveite-os em tarefas de recolhimento".

"Quando não há saída tome um copo de água".

Quer esquecê-lo definitivamente? Jogue sal sobre uma lesma e fique olhando.

"Você se acha feia? Em algum lugar do planeta há um homem a sua procura.

Até que chegou na minha refeição preferida: O café "Não há jeito melhor de começar a manhã, exceto quando...você pode desfrutar, além do café, dos amores do seu amado..."

Outro dia conversando sobre beijo (na boca) bom ou ruim, ninguém conseguiu uma definição, pois leia a descrição do autor sobre uma maça. "Sua casca é lisa e esférica, com dois caroços dentro. É quase seca, com uma leve umidade de pétala. Parece o puxador de uma gaveta repleta de segredos". E o segredo do beijo, qual será?

Negue e jure de pés juntos.
Não me faças infeliz fazendo-me saber disso.
Não se confesse.
Não seja transparente.
Não queira tirar um peso das suas costas.
O homem assim como você prefere não saber de uma aventura que foi apenas casual.