domingo, 29 de maio de 2011

Os Meus 70 Anos




Até os 30 anos fazer 70  é uma preocupação que simplesmente não existe, aos 40 essa idéia começa a existir mas não como uma preocupação, aos 50 anos sim, ela já existe mas de forma natural e, a partir de então,  passa a ser um objetivo chegar aos 70. Mas como? Como se faz para chegar aos 70 anos? Em qualquer manual de instruções do bem viver encontramos o passo a passo onde, basicamente, sabemos que é cuidar da alimentação e fazer atividade física.
Chegar aos 70 não me preocupa obsessivamente uma vez que não somos nós que batemos o martelo do Sim ou do Não, porém, quero chegar lá sim, aliás, quero ir além dos 70…  não tem quem não queira.
Particularmente acho que a velhice é ingrata, como seria bom ter o físico de 30 anos com a maturidade dos 50. Mas se aos 50 já nos achamos muitoooo melhores do que os jovens de 30, seríamos insuportáveis se ocorresse em nós uma melhoria física a cada ano em que fóssemos envelhecendo.
Todas essas idéias são para dizer que hoje, ao festejar os 70 anos de aniversário da Hildinha, quero chegar nos meus como ela, com o  espírito de quem se prepara para uma festa, pintando as longas unhas com adesivo de oncinha, não importando o julgar do se é bonito ou feio, se combina ou não, o que  retrata o real significado de um espírito que traduz alto astral e alegria de estar efetivamente vivendo.

2 comentários:

  1. Quando você começa a sentir a presença fisica da idade, o espirito de auto preservação começa aflorar dentro de você, e o que era uma vontade, viver até os "entas", passa a ser uma guerra santa, e se você queria chegar, sem imaginar o custo de estar ali, agora você quer continuar indepente dos problemas, das dores, das dificuldades e principalmente do próprio tempo. Estar nos "enta" passa a ser uma luta diária com o tempo, e só a motivação faz com que enfrente esta batalha de cabeça erguida, e Hildinha mostra ter essa motivação, no se postar como mâe, como avó e como mulher. Quando você chega aos setenta anos e tem uma caixa de esmaltes de unha das mais variadas e exóticas cores você esta dizendo para a vida que você quer continuar.
    Tenho sessenta e se tudo der certo quero ter setenta e outros "entas", mas quero assim com a motivação, o humor e a vontade de tocar a vida destas baiana especial.

    ResponderExcluir
  2. Quel; leio e adoro tudo o que vc escreve. Mas, precisava opinar sobre os 70 anos da Hildinha. Ohhhhhhhhh inveja boa!!!! Creio que todas nós queremos chegar aos 70, 80,
    e sabe lá Deus quantos "enta" mais do jeitinho que ela chegou aos 70!!!
    Parabéns Hildinha!!! Hoje e sempre, com a sua alegria rodeada de estrelas...
    Bjs da Helo

    ResponderExcluir