quinta-feira, 23 de abril de 2015

BOOKCROSSING BLOGUEIRO na FACULDADE DE JORNALISMO


Este ano divulguei o BookCrossing Blogueiro entre os meus colegas da Faculdade de Jornalismo - Turma B do Ielusc (Instituto Educacional  Luterano de Santa Catarina).Deixei sobre as mesas da sala Laboratório 1, na aula do Professor Silvio Melatti de Fundamentos do Jornalismo. 
É sempre interessante observar a reação das pessoas no momento em que se deparam com um livro achado. Ninguém deixa de folheá-lo mesmo não sabendo do porquê de estar ali.
Após a entrada do professor na sala de aula, expliquei os objetivos do BookCrossing, enfatizando a importância da divulgação deste trabalho.
A troca de livros entre estudantes de jornalismo pode tornar-se um hábito em que todos ganharão. 
Se para qualquer pessoa a leitura é fundamental, para um bom jornalista ela é imprescindível.

Para saber mais sobre o que é o BookCrossing Blogueiro, acessem este o Blog Luz de Luma, Yes Party! Um admirável trabalho de Luma Rosa.





Descrição detalhada das fotos para acesso do deficiente visual (para saber mais clique aqui) 1 -  Foto dos livros entregues pelo blog superlinda ao BookCrossing Blogueiro. Assim Falou Zaratustra - Nietzche, Vivendo Um Grande Amor - Psicofonia de Izoldino Resende pelo Espírito Ernesto,  Além do Bem e do Mal - Nietzche, Inés de Minha Alma - Isabel Allende, Os Milagres do Cão Jerônimo - Péricles Prade, As Memórias de Cleopatra, A filha de Isis - Margaret Georg  e As Mentiras que os Homens Contam de Érico Verissimo. 2, 3, 4 e 5 Fotos dos alunos da turma de Jornalismo com os livros recebidos.

2 comentários:

  1. Oi, Raquel!
    Você é sempre criativa!! :) Obrigada por participar do BookCrossing Blogueiro e de quebra divulgar entre os seus colegas! Adorei as fotos e fiquei imaginando se era o evento do BB que eles estavam olhando no ecrã...
    Beijus,

    ResponderExcluir
  2. Raquel, essa divulgacao no meio academico é superlativamente genial...esses dias vi um vídeo feito em Curitiba, divulgando o Dia do Amigo ou Dia do Abraco, em que alguém patrocinou a confeccao de baloes(desses metalizados) no formato de coracao, estrategicamente amarrados em algum lugar de fácil acesso e com um bilhete à ponta, informando que quem o achasse, desse um abraco na primeira pessoa estranha que encontrasse e o presenteasse com o tal "coracao". Achei que era uma idéia muito boa para o BookCrossing, adaptá-la. Aqui, tenho bem pouco recurso para participar, mas procuro sempre divulgar a amigos e conhecidos...

    ResponderExcluir