quarta-feira, 1 de abril de 2020

1º de Abril de 2020 - Um dia que não é o Dia da Mentira.


Arte: fundo imagem atribuída ao coronavírus nas cores em tons de verde, vermelho e preto, sobreposta a folha de calendário do dia 01 de abril e o título desta postagem

1º de Abril de 2020 - 20º dia de confinamento. isto não é mentira, é verdade. A brincadeira acabou e as piadas deixaram de ter graça.

Enquanto até pouco tempo atrás tudo não passava de notícias que vinham da longínqua China, nossos pensamentos, à época de carnaval, liam como mentira que o tal vírus pudesse nos atingir. Hoje se tornaram verdades absolutas neste dia da mentira.

Um empresário morreu, e não foi a primeira vítima fatal de Joinville. Embora eu não o conhecesse, me abalou. Era parente de um vizinho da casa onde minha mãe morava. A constatação de que o coronavírus chegou na nossa porta foi apavorante.

Este matador invisível, que antes só agia em histórias de quadrinhos, colocou na UTI um jovem de 36 anos que quando criança corria e brincava, junto com os meus filhos, no pátio do colégio. Agora adulto, ainda me encontra nos corredores do Fórum e me chama de tia. Notícia que dói na alma.

Temos que manter a calma. É o que todos dizem, pois o medo que nos assola pode causar transtornos psicológicos, reações de pânico, ansiedade e crise de choro. Isto também não é mentira, é verdade. Os números indicam, os noticiários apontam, e o WhatzApp, literalmente, está contaminado de coronavírus a nos assustar.

Há meses psicólogos vêm alertando sobre o uso abusivo da internet e celulares para os jovens e crianças, hoje é serviço essencial. Papais e mamães se utilizam dessa ferramenta para distrair os filhos e seus próprios pais. Vídeo conferência saiu dos escritórios e se tornou reunião de família. Tempo que a Verdade se tornou Mentira.



Seu blog dá acesso ao deficiente visual?    Fotos legendas para acessibilidade do deficiente visual. #pracegover
Arte Leticia Rieper

Nenhum comentário:

Postar um comentário