sexta-feira, 26 de abril de 2013

OS PRAZERES DE SER BLOGUEIRA


Os prazeres de ser blogueira são todos de ordem muito pessoal e gratificantes.

Um deles é o de conhecer um novo mundo. O mundo da blogosfera. Cheio de curvas acentuadas e muitos sinais fechados, ele é instigante e superá-los, torna-o desafiador.

Certa vez, ouvi que para ser blogueira(o) há que se ter olhos de blogueiro e nunca, jamais, sair de casa sem uma máquina fotográfica. 
Se verdade ou mentira, com ou sem fundamento, esta brincadeira, dita por uma amiga, é pertinente. 

Desenvolvemos uma visão direcionada ao Blog, o que nos torna mais observadores, mais atentos e mais perpicazes.

Modéstia à parte, transformar algo que passa desapercebido por muitos, em um post interessante, outros nem tanto (expressão copiada literalmente do título do livro de Norma Bruno), requer uma certa arte.

Arte que nunca havia identificado em mim.  Este sem dúvida é o maior ganho que estou tendo com o meu blog.

Ser impetuosa, meio largada, extrovertida, são características que a vida de blogueira exige e que passam longe do meu estilo ou da minha personalidade. Ter de romper estas barreiras é só mais um grande desafio.  

O crescimento que tive na escrita é imenso, comparar os textos do início do blog com o atuais, chega a ser covardia... e antes que alguém pergunte, na escola eu era péssima em redação.

Este importante crescimento que tive com o blog, o que me faz concluir que é escrevendo, muito mais do que lendo, que se aprende a escrever. 

Cito este texto de Jose Marcos Taveira como um dos melhores que conheço sobre o que é escrever  e com o "mesmo" aprendi que quanto mais simples, melhor. Assim, correremos menos riscos de cometer erros . 
A descomplicação que Jose Marcos Taveira, deu a arte de escrever, fez-me sentir muito mais a vontade para dar continuidade com o blog. 

Assim passei aceitar ainda mais como Prazer, a nova condição De Ser Blogueira. 

Ser lida faz-me sentir ouvida. Este sim, é o maior dos Prazeres de Ser Blogueira. 

Outro dia, andando na rua, ouvi alguém fazendo "Psiuuu, psiuuuu" e, naturalmente não me dignei a olhar para ver quem era. Em seguida, ouvi: Oiiii superlinda!!! 

Sem a menor dúvida de que era para mim aquele chamado, olhei para o outro lado da rua e lá estavam duas amigas. Rimos muito!

Conclusão: Raquel e o Blog Superlinda estão em perfeita sintonia.


Este post foi feito para ser publicado no Blog EdeEtienne, na BC da semana passada, com o tema "Os ganhos obtidos com o Blog".
Embora passado o tempo, para publicação, não posso deixar de dar o crédito pa ra Etienne http://edeetienne.blogspot.com.br/


6 comentários:

  1. O prazer surgiu com o decorrer do tempo em decorrência dos constantes blogs.
    Um dia eu chego lá pois ainda estou na fase da ÂNSIA DE SER BLOGUEIRO.
    Mais uma vez parabéns.

    ResponderExcluir
  2. A definição e análise sob o seu olhar das experiências/oportunidades/prazeres de ser blogueira estão desenhadas na perfeição. Sinto tb que cresço à medida vou blogando.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Gostei dos destaques do seu post (e da colagem!), de saber de tudo de bom que o blog lhe traz, incluindo o prazer em escrever. Obrigada pelo belo texto. Uma ótima semana pra você! Bjs.

    ResponderExcluir
  4. Oi Raquel
    Vim do grupo da Jô Turqueza para conhecer teu blog e tive uma grata surpresa, um blog muito cativante...
    Já te adicionei...
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Oi minha linda.. também estou vindo do grupo.. achei super legal seu blog..
    E adorei o post.. com certeza tudo muda mundo a partir do momento em que nos tornamos blogueiras, começamos a ver tudo diferente, e o blog passa a fazer parte das nossas vidas, na verdade vejo o meu como um pedacinho de mim rsr

    Amei seu cantinho..
    Beijo e uma tarde de domingo especial viu?

    Sheila

    ResponderExcluir