quarta-feira, 12 de junho de 2013

Dia dos Namorados - Vou Falar....


Link da imagem

Paira uma sombra escura e ameaçadora sobre o dia dos Namorados....

Estas terríveis e maléficas forças querem desmistificar as energias dos corações apaixonados que embalam e movem este dia.

Link da imagem

A idéia é consolar os que não têm namorado para que não se sintam menos amados ou mais amargurados pela falta de um parceiro amoroso.

Para isto divulgam frases prontas, e afirmam que a vida dos namorados não é essa maravilha toda que preconizam e nem romântica como um conto de fadas. 
Querendo provar a todo custo que viver sozinho é melhor do que ao lado de alguém.

Infeliz mesmo é aquele que coloca como prioridade fundamental para a sua felicidade, a condição de ter ou não um companheiro(a).
Link da imagem

"Antes só do que mal-acompanhado", dizem eles. Naturalmente que é. Assim como: antes com saúde do que doente, antes vivo do que morto e daí para frente.

Debater este assunto é de tão pouca importância quanto são os seus argumentos, mas, já que é o assunto do dia, resolvi também opinar.

O dia dos Namorados é só mais uma data comercial, assim como o Dia dos Pais, o Dia da Mães e tantos outros. Porém, mesmo sendo comercial, quem não é lembrado se ressente. 

Os homens costumam comemorar dando presentes, fazendo convite para jantar ou passeio e, até mesmo, com uma noite num motelDizem...que o fazem somente para agradar a namorada.

Com esse comportamento pouco sentimental dos homens, não posso imaginar, que tendo uma namorada, eles sejam indiferentes a uma manifestação de carinho. Certamente se não receberem, sentirão falta...

Estar junto todos os dias, namorar diariamente, receber e dar presentes independente de datas, nada disto repara o erro de não presentear em datas e horas certas.

Lembre-se que presentear pode ser uma simples atitude.

Recém namorados ou récem casados festejam mais espontaneamente esta data, impulsionados pelos encantos do momento apaixonado que vivem. 

Para os mais de sete anos de relacionamento, fazer disso um exercício é manter acesa a chama da paixão

E, para cada ano a mais ou os muitos anos a mais de convivência, quem viver em clima de dia dos namorados, não esquecerá de festejá-lo, jamais.

Eu festejo, presenteio, gosto, alimento esse clima do Dia Dos Namorados, e recebo na mesma intensidade. Na medida certa que um relacionamento requer. 

Só não faz questão disto, quem não tem namorado, ou quem não namora, mesmo tendo namorado.





4 comentários:

  1. Tudo muito bem colocado, Raquel!!
    O meu namorado está enfrentando uma longa estrada para estar comigo especialmente neste dia.
    Sejam eles pobres ou ricos, coloridos ou não, novos ou maduros, que sejam carinhosos e demonstrem seu amor da forma que lhes convier: dando presentes ou só abraçando gostoso.
    Em relação às postagens sobre o dia dos namorados (que não comentei nenhuma), que fique claro que: no dia da árvore, eu penso nas árvores. No dia do índio, eu penso nos índios. Mas no dia dos namorados eu namoro muito! hihihi

    Um abraço.

    Andréa von

    ResponderExcluir
  2. Belezinha de raciocinio.
    Como ainda nao terminamos as reformas do Homecar, para podermos comemorar em algum outro lugar especial, fiz um bolo de chocolate (que a mim parece especial e representa um pouco de minha paixao).
    Grande abraco
    Silvia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvia o importante é comemorar...não importa onde, importa juntos...rsrs

      Excluir