quarta-feira, 2 de julho de 2014

Por que Um Dia Nós Fumamos?


Nós fumamos porque um dia nos disseram de maneira dissimulada através das propagandas, que o cigarro era alegria.


                             
                                 Era  luxo.




            Contribuia para o desenvolvimento profissional.



        Associado a virilidade do homem do campo.



                Relaxante nos momentos de lazer.



                              e esportivo.



Uma droga que vicia e mata. Sempre e ainda hoje, mesmo com todos os alertas, é indiretamente ligada a um hábito de estímulo às atividades do cotidiano. 

Assim como o álcool é uma droga permitida e das piores para livrar-se do vício.

Há trinta anos parei de fumar e ainda hoje sinto o seu gosto e lembro dos efeitos de prazer que o cigarro dá. 

Disto você não se livrará nunca, mas vale a pena.

Se por conta própria, se com remédio ou tratamento psicológico, não perca a oportunidade na sua vida de sentir o prazer de dizer: EU PAREI DE FUMAR.


Fotos tiradas da revista "Omni" (USA) da década de 1980.


*São fotos dos cigarros das marcas Salem Light, Benson & Hedges, Winston,  Malboro e Camel, associadas ao enunciado no texto.


4 comentários:

  1. Raquel!!
    Amei a postagem!
    Posso vê brilho nos olhos de quem consegue dizer isso: Eu parei de fumar!
    Bjsssssssss
    Allê Monteiro

    ResponderExcluir
  2. Conheço bastante pessoas que pararam de fumar, e afirmam isto com muito, muito orgulho!
    Eu mesma nunca entendi que atrativo isto poderia oferecer, sempre fui meio "extraterrestre" - já não gostava da ideia quando era moda fumar.
    Gostei muito da postagem!

    Ei.. indiquei seu blog para uma tag, "Sugestões", sobre gostos pessoais diversos. Se quiseres, dê uma conferida lá no meu blog e fique à vontade para participar ou não.
    Marina
    www.devaneiosedesvarios.com

    ResponderExcluir
  3. Esta aí uma qualidade mim, se é que é qualidade. Eu nunca fumei.
    Não porque faz mal, o que faz mesmo, e sim porque nunca gostei.

    Histórias, estórias e outras polêmicas

    ResponderExcluir
  4. Oi, Raquel!
    Logo reconheci essas imagens! ;)
    Eu fumava duas carteiras de cigarro por dia e parei diante de um desafio. Disse que a partir daquele momento nunca mais fumaria e foi o que fiz! Digo-lhe, não senti falta alguma, pois a minha decisão foi diante de um leito de hospital, onde o meu melhor amigo foi diagnosticado com câncer no cérebro e o cigarro foi o grande causador.
    Espero um dia ver o cigarro banido da sociedade e isso está cada vez mais fácil acontecer, pois os governos estão do lado dos cidadão, afinal, o vício onera o Estado. Olha a notícia boa: Reino Unido quer tornar a venda de cigarros a nascidos a partir de 2000 e ser, assim, o primeiro país a banir o fumo. Não conseguem fazer o mesmo com a bebida alcoólica, pois essa vicia mais que qualquer outra droga - vide Robin Williams que teve inúmeras recaídas e a última após quase 20 anos.
    Dizem que, pior que não fumante é o ex-fumante. Tenho nojo de cigarros!
    Beijus,

    ResponderExcluir