domingo, 6 de janeiro de 2019

Posse de Bolsonaro contada em forma de história em quadrinhos.

Foto montagem com os desenhos de Gisele Daminelli: Bolsonaro e a esposa Michelle no desfile em carro aberto, o beijo do casal durante o discurso, Bolsonaro com a mãe, Bolsonaro com Nethanyahu, Bolsonaro com lágrima nos olhos e por último recostado no sofá .

Gisele Daminelli formada em Artes Visuais pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), nascida e residente em Içara, no sul deste Estado, ganhou fama e viralizou ao postar no dia da posse do presidente Jair Bolsonaro, desenhos que fez para registrar as cenas que assistia pela televisão e fotos da internet sobre os acontecimentos do dia.

Era para ser só mais uma postagem de seus desenhos nas redes sociais, como faz costumeiramente. _Só que não_. Gisele é ilustradora, desenha cenas do seu cotidiano em família, faz trabalho remunerado por encomenda e por lazer. Foi dentro deste último quesito que ela usou sua arte para registrar o que seus olhos viam e seu coração sentia. 

Como ela mesma diz: "registro dos momentos marcantes". A delicadeza dos traços, a reprodução perfeita da imagem, e a emoção contida nos desenhos, por si só merece o nosso reconhecimento. Mas, foi o elogio recebido do próprio homenageado no Twitter, que levou a artista do anonimato à fama.

O que mais me chamou a atenção após ler o comentário do presidente, foi o estado de êxtase que percebi nas palavras da desenhista. Sem nenhum constrangimento ela se diz impactada pelo retorno elogioso recebido, e retrata isso nos quadros subsequentes que publica. O segundo fato, foi ler no seu perfil que ela é uma de nós, catarinense.

Assim, como outras tantas 1,2 pessoas imediatamente, enviei congratulações pelo duplo feito: pela arte e pelo parabéns obtido. E ela não respondeu, não curtiu, não nada...

_Já é famosa e não vai me dar atenção, pensei. Só depois, com as enxurradas de notícias e entrevistas no jornais, entendi que eu era só mais uma. Mas, não desisti. Fui na página de seu FaceBook e enviei mensagem, a qual respondeu. Acho que minha reação foi igual a dela em relação ao presidente. Queria apenas poder fazer este post e precisava da sua autorização para o uso das imagens. 

Desde quando publicou os desenhos nas redes sociais, Gisele tem recebido milhares de mensagens, curtidas e compartilhamentos e declara nas entrevistas que jamais imaginou que seus desenhos chegariam até Jair Bolsonaro. 

Com milhares de seguidores no Twitter, no Instagram, Pinterest, Facebook, e onde sempre divulga seus trabalhos, conta, sempre rindo e com a voz delicada, que: “Do nada, meu celular começou a apitar muito. Fui conferir o que estava acontecendo e, quando vi, nem acreditei".

Sua história como desenhista começou quando era criança. Hoje, trabalha como designer de superfície, fazendo estampas para tecidos. Ironicamente, ela usa as redes sociais, em segundo plano, como um forma de ganhar uma renda extra. Ao que tudo indica as estampas de tecidos perderam uma excelente designer.

Sucesso, Gisele!

Michelle durante o discurso feito em libras,  Bolsonaro e a tradutora de libras
Print da tela do Twitter com o elogio de Bolsonaro e a reação de Gisele: "Gente do céu!!!! Sem palavras...Sem palavras..."
Desenho representando a própria Gisele estarrecida. enquanto pai e filho conversam. Filho: "O Pai! O que aconteceu com a mãe?". Marido: "Não sei!Ela está assim desde ontem".
Print da tela do Twitter, quando Gisele divulga a entrevista concedida e mais uma vez o presidente Bolsonaro parabeniza e ela diz estar vivendo um sonho.
Auto retrato com os dizeres: "Não é silicone! É só meu peito estufado de tantas mensagens de carinho que recebi por aqui! Obrigada a cada um!!!".
Auto retrato, árvores com frutos feitos de coração e placa dizento: "Melhor "Jair"voltando e colher o que sempre plantou. Talkei?!".

Seu blog dá acesso ao deficiente visual?    Fotos legendas para acesso do deficiente visual.

2 comentários: