quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Dama da noite



Dama da noite. Intensa.
Ela não fala. Exala.
Exala sensualidade.
Fêmea. Incrivelmente sedutora.
Perfumada à noite.
Solitária.
Possui o caule ereto com ramos sinuosos pendentes nas extremidades, que mais parecem braços a procura de abraços.
Há diferentes espécies delas. A de formato tubular, fechada para si mesma, guarda seus próprios segredos.
De cor creme esverdeada, considerada a cor da elegância, remete a calma, não a passividade. 
Reina sublime, elegante e sabe ser a fragrância mais forte entre as flores.
Dama da noite, uma planta vigorosa e de crescimento rápido. Deve ser cultivada em solo fértil e irrigada constantemente.
Pela manhã, elas acordam fechadas. Certamente fatigadas da polinização que acontece durante a noite. Será que se perdem ou se acham nas aventuras noturnas? Só a lua sabe a resposta.
Reza a lenda que a dama da noite é uma planta poderosa com o poder de realizar desejos. Se alguém lhe fizer um pedido na floração, certamente será atendido.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário