quarta-feira, 10 de julho de 2013

BC - Tres Momentos ou Situações Que Te Fazem Sorrir.



Tres momentos ou situações que fazem/fizeram você sorrir.


Os primeiros pensamentos que me vem à mente são os relacionados a filhos, marido/namorado, pai/mãe. 

Em seguida pensei nos: um sorriso, um presente, um abraço, que também concordo são fortes motivos para meu sorrir abrir-se.

Como tudo isto é muito óbvio, enveredei por outras bandas, mas não fui tão longe assim, que não possa outro alguém me alcançar e ter os mesmos pensamento que eu.

Sorrir é felicidade, bem estar, alegria e posso afirmar que tenho ao longo dos meus dias muitos motivos para sorrir.

Porém a ordem da chefe, a dona da festa é destacar tres, portanto ai estão:

A primeira e a maior situação para fazer o meu sorrir escancarar-se de orelha a orelha é  V I A J A R.
Quer ver uma mulher feliz? 
Coloque-a, de preferencia dentro de um avião, ou  num carro para viajar. De avião pelo fato de significar, a princípio, tratar-se de uma viagem longa. E quanto mais longa melhor.

    .
                      Na foto eu estou de perfil, sentada dentro de um avião, sorrindo e usando um fone de ouvido.

* Descrição detalhada das fotos para acesso ao deficiente visual.



A segunda é estar em C U R I T I B A . Adoro aquela cidade. Estar lá mesmo sem ter o que fazer, faz-me sorrir. Coincidência ou não Curitiba é chamada de Cidade Sorriso.
Gosto do que a cidade oferece. Bons restaurantes, teatros, shows, bons shoppings, parques, feiras, mercado municipal.
Uma cidade onde as pessoas andam sempre chiques e arrumadas em todos os lugares.
Gosto desta cidade grande, mas que ainda é de um tamanho que posso dizer:"thjipo" conheço tudo lá. 
Ao mesmo tempo adoro o anonimato que ela me proporciona.

Foto minha, feita de corpo inteiro, numa rua em Curitiba. Estou usando calça comprida, blusa e óculos na cor preta, bolsa, sapato e echarpe na cor branca. Esta foto está muito bonita porque foi batida sob uma árvore de ipê roxo todo florido e com pétalas caídas no chão, parecendo um tapete.




E o terceiro motivo, é subir na B A L A N Ç A  e ver que o ponteiro desceu.
Duvido que alguém não abra um gostoso sorriso quando isto acontece.
Ah!!! Pensou que eu ia revelar meu peso? 
Uma mulher tem tres grandes segredos: o verdadeiro conteúdo da sua bolsa, o seu peso e os seus pensamentos. E é lá que ele esta guardado, a fazer-me sorrir. Ou não. risos.

Esta é foto tirada do alto, eu estou em cima de uma balança digital, aparecendo parte das minhas pernas, o meu pé, e com as mãos cobrindo o visor que indica o peso. Estou usando roupa escura, calçado de oncinha, anel e unhas esmaltadas de marrom escuro.










11 comentários:

  1. Amei seu post!!!
    Beijinhos e que você sempre encontre motivos para sorrir...
    http://meusamoresvariedades.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alexsandra . Obrigada e já vi os motivos que te levam a sorrir. Um Abraço.

      Excluir
  2. Oi, Raquel!
    Desculpe a ignorância, mas você é famosa?
    Acertou nas coisas que fazem qualquer pessoa sorrir. Eu não tiro a minha balança do banheiro, pois todo dia subo nela com esperanças de um sorrisão :) Dizem que é errado pesar todo dia...
    Gosto de viajar para lugares que nunca fui antes e explorar com os olhos de uma criança!
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luma, ri muito com a tua pergunta.Vou usá-la como destaque na divulgação do post. Não sou famosa não....rsrsrs. Obrigada por me fazer sorrir. Um abraço.

      Excluir
  3. Hey, Raquel! "Ver que o ponteiro desceu"... rsrs! Cidade sorriso? Que lindo! Viajar também me faz sorrir - adoro conhecer pessoas e lugares, adoro avião! Obrigada pela participação. Bjs pra você. Boa noite!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chefe! Vc decidamente coloca a gente para pensar. Muito bom. Abraços e obrigada.

      Excluir
  4. Raquel, minha superlinda cunhada! Sê chique, sorridente, com blog inclusivo.
    VOCÊ É TUDO!!

    ResponderExcluir
  5. Raquel:
    Como sou de Curitiba, é claro, que abri um sorrisão aqui do outro lado da telinha, quando li seu post.
    Bjs.:
    Sil
    http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Raquel, assim também nao vale. Vc cita as coisas mais óbvias que a alguém com algum senso de independencia; que seja "chegadinho" à Curitiba e que tenha uma gota de vaidade, facam sorrir. Eu acrescentaria meus reencontros anuais com a família e os amigos, meus reencontros diários com meus "Periquitinhos australianos" a quem devo alimentar e a observacao de que minhas duas "araucárias angustifolias", fruto de um contrabando, estao resistindo e se desenvolvendo no "Garten"...

    ResponderExcluir
  7. Oi Amada!

    Amei de verdade sua participação!!!

    Viajar, principalmente se for para passear, é motivo gostoso demais pra sorrir e subir na balança e ver o ponteiro descer é pra soltar fogos e escancarar a boca num sorriso. Não conheço Curitiba ainda, mas lugar que a gente ama é motivo bom também pra sorrir.

    Beijos!!!

    Amei conhecer seu blog : )

    Selma

    ResponderExcluir